a-sadsmile:

Impossível não se emocionar, chorei muito. Você, na frente da tela do computador ou celular, reze. Reze para que os feridos consigam sobreviver, reze para que os falecidos tenham seu lugar no céu e reze para as famílias e amigos dos falecidos ou feridos dessa tragédia como de todas. Isso poderia ter acontecido com alguém da sua família ou roda de amigos, ou até mesmo com você. Imaginem como é você estar tendo um fim de semana normal e chegar a notícia de que aconteceu algo muito sério com um ente querido seu. Horrível, não? Então, a única coisa que eu peço, é para que você reze. Muito obrigada, e boa noite, fique com Deus.

"Hoje poderia ser só mais um domingo normal para mim. Eu passaria o dia inteiro com a minha namorada ou na casa dela ou na minha assistindo um filme qualquer, mas isso não vai acontecer. Minha namorada é uma das pessoas mortas que foi encontrada na boate. Nós brigamos e ela preferiu ir pra lá com as amigas dela. Eu não me preocupei, sabia que ela me ligaria no dia seguinte e me diria que se arrependeu de ter saído sem mim, mas hoje o telefone tocou inúmeras vezes e não era ela. Ainda não caiu a ficha pra mim, ainda não entendi o que aconteceu. Parece que a qualquer minuto o meu telefone vai tocar e vai ser ela do outro lado da linha me dizendo “você ainda esta bravo comigo?” Enquanto eu escrevo esse texto o meu coração aperta, meus olhos se enchem de lágrimas e o medo do amanhã toma conta de mim. Como eu queria que eu estar ali com ela, ou então, que eu tivesse pedido para ela não ir. Eu a perdi pra sempre, e nem ao menos disse a ela o quanto eu a amo e o quanto minha vida fica deserta sem ela por perto. Hoje é um dia triste pra mim. Hoje é o dia em que eu perdi a parte mais importante de mim, o meu coração."

— Depoimento do namorado de uma das vitimas (totalmente-teujesus)

justtodreaming:

- A Culpa É Das Estrelas - 

"A gente se acostuma com muita coisa, cara. Quer dizer, eu fiz de tudo pra te evitar. Tu chegou do nada e arrumou tudo que tava bagunçado. Disse que se eu quisesse você por perto, tinha que tomar um jeito e organizar até o coração. Abusada. Ninguém nunca me pediu pra dar uma geral lá dentro. Eu não sabia nem por onde começar. Foi aí que tu entrou. Arrumou tudo, fileira por fileira. Gaveta por gaveta. Tu fez a tua arrumação e eu me acostumei. Levei tudo como se fosse assim mesmo. Tudo bem, tu arrumou tudo da tua maneira. Me fez ficar você. Não exatamente, não peguei tuas frescuras e nem tuas manias idiotas, Robin. Mas fiquei com aquela parte de que pra que eu fosse mais eu, eu precisava mais de você. Eu disse pra você tomar cuidado, disse que eu era um barco furado. Falei bem claro que tava tudo bem você curtir, mas que tinha que tomar cuidado. Toma cuidado mas não para. Eu fui teu chão, tu foi meu teto. Eu sempre senti demais em relação a você, na verdade. Nunca demonstrei e nunca disse. Mas você sempre virou as costas quando a coisa pesava pra você. Ia embora quando esquecia de tomar cuidado e começava a precisar demais. Só que teu problema é esquecer tua bagunça aqui. Eu sei que tu arruma, cara. Mas tua arrumação é toda você. E você é toda bagunçada. Fala de mim, mas é igual. O negócio é que você consegue me dar jeito. O negócio é que tu consegue deixar minha bagunça de lado e só me deixar com a tua. Tu me arruma, porque no fundo, gosta de me bagunçar. E eu deixo tu me arrumar, porque gosto que tu me bagunce."

robin and stubb.      (via appeaser)